Essilor: novos conceitos para desenvolver suas lentes

Segundo o VMail, a newsletter da norte-americana Jobson Medical Information, a Essilor está abandonando seus métodos tradicionais de desenvolver e desenhar novos produtos em favor de uma inovadora abordagem orientada ao cliente, já utilizada para produzir a nova geração de lentes progressivas Varilux a ser lançada mundialmente ainda este ano. Durante a conferência com analistas financeiros para divulgação dos números de 2016, executivos da corporação francesa anunciaram tais mudanças na atuação das áreas de pesquisa e desenvolvimento e marketing.

“A Essilor transformou sua maneira de inovar com uma ideia em mente – focando nas necessidades dos consumidores”, explicou o vice-presidente corporativo sênior de marketing global, Alain Riveline, e comentou ainda que a abordagem tradicional da empresa para inovação de produtos era conduzida por “técnica e know-how, propriedades físicas e químicas, engenharia e design óptico. Decidiu-se, então, mudar completamente o método focalizando nos segmentos de consumo”.

De acordo ainda com Riveline, agora Essilor segmentará seus produtos em cinco segmentos de consumidores: crianças e adolescentes (entre zero e 18 anos); jovens adultos (entre 19 anos e 44 anos); meia-idade (entre 44 anos e 64 anos); sêniores (acima de 65 anos) e “NextGen” (do inglês, expressão para “próxima geração”), grupo que compreende consumidores sem fácil acesso a cuidados visuais e óculos que vivem tanto em países em desenvolvimento quanto em nações desenvolvidas.

O executivo explicou ainda que a Essilor desenvolveu uma nova forma de entender os consumidores, que envolve análise de redes sociais, comunidades on-line, selfies em vídeo e um laboratório interno que a empresa desenvolveu para testar seus produtos em “situações reais da vida, não apenas em situações clínicas”.

“Foi um ano inteiro ‘ouvindo’ as redes sociais. Também foram criadas comunidades próprias on-line na China e nos Estados Unidos para manter contato com milhares de usuários. Sabemos as prescrições que eles usam. Fazemos perguntas e mantemos um diálogo contínuo”, explicou.

O primeiro produto concebido sob esses novos métodos é a Varilux X, série de lentes progressivas com desenhos ópticos destinados principalmente às necessidades visuais dos usuários da Geração X (nascidos entre 1965 e 1982) formada, atualmente, por 1,5 bilhão de pessoas em todo mundo e que ganha 100 milhões a cada ano. Já os baby boomers (1,2 bilhão de pessoas mundialmente, nascidos entre 1946 e 1964) são o mercado secundário para a Varilux X. Juntos, os dois grupos aumentam significativamente o total de usuários de lentes progressivas.

A mudança mais notável da Varilux X em relação à sua série anterior, a Varilux S, são os avanços na visão para perto, que, segundo a Essilor, trata-se de um aspecto importante para os usuários da Geração X. Riveline informou ainda que o lançamento da Varilux X será acompanhado de uma nova experiência no ponto de venda. O lançamento da lente começou em abril pela Europa, seguido pelo Canadá em junho, Estados Unidos e América Latina em setembro, além de Ásia, Oceania, Oriente Médio e África em outubro.

 

468 ad